quinta-feira, 26 de novembro de 2009

Clara

Deixa o frio

No chão

Vem se deitar

A cortina do teu quarto

fechou

E o azul já se foi

Na manhã

Que corre pra ver o luar

Aqui tão só, deitar

Em berços frios

Teu olhar se fez

A desilusão

E meu coração

Se escondeu

Foi

Triste espelhar tua dor

Foi

Longo olhar

Teu mar

Secar.


Melodia e harmonia: Ítalo Lencker
Letra: Bruna Moraes

3 comentários:

ALEXANDRE disse...

você devia postar junto de alguma forma a melodia pronta, quando as poesias já viraram canções ou algo do tipo.

sei que perde o misterinho, mas acho que se tem melodia é interessante conhecer TAMBÉM a forma musicada, pra no mínimo compararmos com a música da nossa cabeça.

Italo Lencker disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Italo Lencker disse...

poesias que "já" viraram canções ... o mundo e suas comparações...