sábado, 23 de janeiro de 2010

maquinaria

quero um samba
pra sambar cadeiras
Candeias
cadeias
Cândidas
canalhas.
querem folhas
pra escrever
de verde,
vermelho,
melhor que se pode,
solúvel matéria
do chão.
queres cinzas
pra bater cinzeiros
fomeiros
famintos,
máquinas lingüiceiras
de gente.

Nenhum comentário: