terça-feira, 18 de janeiro de 2011

Ah, coitado.

Ai, me dá vontade de rir
mas rir tanto
tanto quanto ria
tua alma quando fui
deixei teu ser
perfeitamente sozinho...
Ai, quanta problemática, tanta
coisa, nem precisa se preocupar, meu bem.
Eu quero rir
assim, sinceramente,
coisa que há tanto tempo não fazia!
Você não mora mais em mim.
Eu ando tão feliz,
saltitando pelas ruelas,
nada mais é cinza...
Agora não é cinza. É só mar, é flor, é calor!
Olha que verão belo!
Me esqueço que não podes ver.
Ah,. coitado.

3 comentários:

BrunA disse...

Oh! coitado....
Lindo Texto Bru ,
Dei uma passeada por seus pensamentos divagações ...
Adorei seu cantinho .
Quando puder ,visite o meu tb .
bejus.

Rosana C. disse...

Bem vinda ao verão!

Sarah Abreu disse...

Hum, bem bão! :o) Como foi o show semana passada? Não deu pra ir, sorry!
Adorei teu coração mais leve.